.fotografia $:

Hospede inúmeras fotos no slide.com GRÁTIS!
Segunda-feira, 11 de Maio de 2009

« uma coisa do passado, que mexe o presente $: »

 

vive-mos . vive-mos num mundo, onde todos pensa-mos que somos independentes, que não percisa-mos de ninguém para saber viver . isso não é verdade . quando mais pensa-mos assim, mais rápido, percisa-mos de uma pessoa ao nosso lado . aquela que dá um ombro amigo, aquela que nos ajuda em tudo . aquela que não tem vergonha das figuras que connosco pode fazer, aquela que chora contigo se percisares de chorar . é disto que todos percisa-mos , de alguém a nosso ládo . quando aparece algum rapaz, no qual fica-mos fascinadas . aquele que parece ser o Super-herói, que não nos faz chorar, que só nos dá motivos para sorrir. quem passeia connosco e nos dá a mão em frente aos amigos, quem não tem vergonha de nós. depois de muitas conversas e entendimentos, partimos para o namoro . tudo no inicio parece maravilhoso. passa-mos o dia feliz e senti-mos que nada nem ninguém nos consegue deixar mal . que ninguém nos consegue deixar triste . parece que o mundo gira em torno à pessoa que está a nosso lado . aquela que a qualqer hora do dia nos dá uma palavra 'Amo-te', que não tem vergonha de gritar o meu nome, dizer a frente de todos os amigos que me ama . que me defende quando os seus amigos me criticam . isso sim , é o que eu faço, por muito que o critiquem ele é tudo aos meus olhos, o rapaz sem defeitos, com tudo perfeito em si. isso surge durante alguns dias, semanas e raramente meses . mas depois de tudo, nos repara-mos que nem tudo é assim tão perfeito, que tu tens defeitos, muitos até . que eu também tenho, eu sei . que feitio fácil também não tenho . comete-mos erros que nem sabemos como, faze-mos coizas que achava-mos impossiveis . chora-mos um para cada lado, por ter-mos acabado, amamo-nos na mesma :x  eu gostava de poder corregir tudo . sim, eu estava pronta a isso , disposta a ouvir bocas de tudo e todos para estar contigo, ser feliz a teu lado, como era no inicio . querer ver-te a minha espera a porta da sala para estar-mos juntos, correr para ti e gritar que te amo, ter força e vontade para isso tudo . mas não tenho, é muita ironia, muitas discuções, muita distância . eu sofro, ando triste, sem vontade para tudo. ando aqui, como se não andasse . Sentir que somos imunes a pessoa que mais amamos . mando-te sms e nada, quero estár contigo e nada .. eu já nem sei se ainda me amas . pesso-te para estár contigo e permaneso naquela dor , confeso. pensava que quando te visse , ia soltar o meu primeiro sorriso de hoje, mas não . olheite ao longe e baixei a cabeça . sentia que a tinha de erguer , mas não conseguia, queria conseguir-te olhar fixamente nos olhos, mas não conseguia . permaneci no silêncio do teu toque, do tão incompleto momento, onde eu tentava dar as minhas palavras. observava os teus gestos, sentia-te longe de mim , mas ouvia o teu respirar . recordo aquele momento de loucura, no qual as minhas palavras não foram ditas com sentimento . aquelas palavras que eu tentei dizer, para depois de cada palavra, de cada passo, tu me abraçares, me beijares , (...) , encho-me agora de perguntas . como tinha tanta força e tudo se foi ? como eu queria tanto ter esta oportunidade para me expressar e dizer o que sinto e não me saiu náda ? porque ? porque ? pooooorque ? sairam-me simples palavras a indirectamente dizer: 'Não é nada, esquece ..' . mas eu tinha tanto a dizer, tinha tanto para te pedir, tanto para te confesar, mas nada saiu, náda consegui dizer. Sim, senti-me humilhada, senti-me triste, senti-me pior do que me senti o dia todo . a ver-te passear com os teus amigos, a brincares com eles, a sorrires ao lado deles. tentava divertir-me com os meus a dar gargalhadas , mas não conseguia sorrir, o que eu mais gosto de fazer na vida , SORRIR ! sentia nojo de mim, raiva (...) errei tanto e agora perdi o homem que tanto amo . então quando pegava no meu próprio braço e sentia aqueles cortes que fiz por ti, olhava em diante e cada vez pensava mais que a culpa daquilo tudo, não era só minha . os dois erramos, mas serei só eu que estarei a sofrer .. querer poder saber o que estavas a pensar, mas não conseguia. perguntar-me o que querias tu dizer mas não dizias . pergunto-me se as recordações restão apenas em mim, ou em ambos .. mas não tinha resposta, como já esperava .. resta-me permanecer, neste horrivel e horrendo silêncio, no qual os momentos passados, seram a luz da força que me motiva a continuar .

será que ainda vai haver continuidade ? +.+


publicado por um caminho uma vida às 15:39
olha o texto $: | comment | adiciona-me aos teus favoritos $:
3 comentários:
De annelunar a 7 de Junho de 2009 às 22:10
e dizes tu que escrevo bem, tu é que escreves.
-


De um caminho uma vida a 10 de Junho de 2009 às 02:50
amor, gostos são relativos (:
tu gostas dos meus textos e eu gosto dos teus :')
escrever faz-me sentir bem $:


De Iara a 26 de Maio de 2010 às 19:22
Gostei muito do teu blog ! Se puder me visite, http://sindromemm.blogspot.com


Comentar post

.mutsiquinha $:

.outras opções $:

.os novos textos $:

. silencioso, é o novíssimo...

. rainhadaminhavida $:

. o acordar do sol *.*

. « uma coisa do passado, q...

. « a pequena moral da gran...

. « mais um dia de susto, p...

. « a minha vida é uma estr...

.arquivos

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

.RAINHA da minha vida $:

Hospede inúmeras fotos no slide.com GRÁTIS!

.REI da minha vida *.*

Hospede inúmeras fotos no slide.com GRÁTIS!